Receba nossos novos artigos! Baixe nosso novo e-book grátis!

Como o SQL Pode Mudar a Sua Vida Em 04 Passos!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

É possível trabalhar com AdvPL no Exterior?

É possível trabalhar com AdvPL no Exterior?

Oi, Pessoal, Tranquilos! 

Gostaria de compartilhar algumas reflexões e responder a algumas perguntas que vocês enviaram:

A primeira dúvida gira em torno da escolha entre ADVPL e ABAP, especialmente com a menção do Protheus e sua internacionalização. A pergunta é se vale a pena focar nessa linguagem.

A segunda questão é um pedido de um roadmap de estudos para conquistar a primeira vaga. Após meses de busca, a expectativa é entender por onde direcionar os estudos. 

Uma dica crucial que compartilho antes de elaborar o roadmap é a importância de criar uma rotina de estudos. 

Nos próximos artigos, vou abordar como montar essa rotina, algo que pode ser muito útil para quem está começando. É fundamental investir tempo no entendimento aprofundado das tecnologias antes de gastar dinheiro, e para isso, menciono um curso acessível que uso e que pode ajudar nessa trajetória.

Quanto à internacionalização do Protheus e a atuação agressiva da Totvs no mercado, a resposta é clara: 

A Totvs tornou-se uma gigante nacional, adquirindo destaque ao comprar diversas empresas. 

A internacionalização é real, e se a ideia é trabalhar fora, é crucial considerar outras linguagens, como Javascript/Node, PHP, C#.NET e SQL Server, pois Protheus é uma realidade brasileira.

A Totvs, com seus 10 centros de pesquisa ao redor do mundo, marca presença não apenas no Brasil, mas também na América Latina e até em países como Rússia e Estados Unidos. 

Sua agressividade no mercado a torna uma empresa notável.

Encerrando, destaco a importância de aproveitar as oportunidades de aprender Proteus, especialmente se estiver trabalhando em empresas que o utilizam. O sistema oferece módulos interessantes e é bem integrado. Porém, se o objetivo é trabalhar no exterior, é válido explorar outras tecnologias.

Resumindo:

Segue algumas dicas valiosas: 

  • Se você já está na área de tecnologia, considere subir, ou seja, explore outras tecnologias dentro do campo em que já atua. Isso pode facilitar a migração de carreira. Para iniciantes, a realidade é que nem sempre as portas estão abertas de imediato, mas, se possível, busque oportunidades dentro do ambiente atual.
  • Se você tem a oportunidade de aprender Protheus, aproveite. É uma linguagem que pode te dar muitos frutos no Brasil e na América Latina.
  • Mas, se você quer trabalhar realmente para fora, é importante ter habilidades em uma linguagem mais conhecida.

A Totvs está investindo bastante na internacionalização do Protheus, mas ainda é uma tecnologia pouco conhecida no exterior. 

Se eu fosse começar hoje. Eu abraçaria a oportunidade que viesse. Pois com 02 anos de experiência você se torna pleno desde que seja esforçado. E nesse período você terá contato com várias tecnologias e pessoas que podem te possibilitar ir para outras stacks.  

Espero que essas reflexões e conselhos ajudem em sua jornada profissional. 

Mantenha o bom trabalho e Obrigado!

Comente o que achou

Receba nossos novos artigos

Baixe nosso novo e-book Como o SQL Pode Mudar Sua Vida Em 04 Passos

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

hamirdhanquer
hamirdhanquer

Olá! Meu nome é Hamir Dhanquer. Atualmente trabalho como: Analista de Sistemas. Meu foco com esse blog é justamente aprender tecnologias e divulgar o que estou aprendendo. Espero que nesse processo posso ajudar você também! Segue abaixo meus contatos: https://www.linkedin.com/in/hamir-dhanquer-costa-noleto-06795922/ https://github.com/HamirDhanquer

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *